Como tudo começou …

Este trabalho missionário é fruto de uma visão que o Pastor Juarez de Souza Noel, pastor presidente na Austrália, teve há muitos anos antes de estender-me o convite para que aqui estivesse, e ao sentir-se compungido pelo Espírito Santo, formulou o convite para que eu e minha família viesse começar um trabalho que parecia tão distante de se tornar uma realidade: Uma igreja na Nova Zelândia.

Na época eu ainda estava no Brasil. Nesse tempo estava completando dez anos de uma chamada missionária que tinha para a Oceania, e agora eu estava vendo esta chamada se cumprir na minha vida e na vida da minha família.

Após aceitar este grande desafio, viemos para a Nova Zelândia, e no dia 24 de fevereiro de 2006 tocamos o solo da cidade de Auckland, dispostos a fazer uma grande obra com à ajuda do Espírito Santo.

Iniciamos os cultos nos lares, não mais do que dez pessoas por culto, foram muitas as dificuldades, mas acreditávamos que Deus tinha uma grande obra para realizar através das nossas vidas nesta nação, e com muita oração e paciência, esperando que pronto Deus começaria a realizar milagres e que portas se abririam diante de nós, permanecíamos firmes e descansávamos em Deus que nunca nos abandonou.

No dia 24 de março conseguimos um local para alugar, onde então seria nossa primeira igreja. Deus nos abençoou tanto que depois de um ano e oito meses aproximadamente, tivemos que mudar para um local maior. Passados 3 anos, este lugar também já não comportava tantos membros, então mudamos para o endereço atual, localizado na 169 da Symonds Street – Eden Terrace – Auckland.

Hoje já estamos orando e trabalhando em prol de uma sede própria, e acreditamos que dentro de pouco tempo a Christian Agape Centre terá o seu próprio templo, em um novo endereço em nome de Jesus.

Trabalhando e orando seguimos, para que possamos conquistar tudo aquilo que desejamos para expandirmos o evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Durante o tempo de existência desta obra missionária, Deus tem feito prosperar grandemente a Christian Agape Centre nesta nação, e acreditamos que Ele continuará dando o crescimento.

Louvamos e tributamos toda a honra, glória, poder e majestade a Deus que até aqui tem nos ajudado, e que acreditamos, continuará com as suas sacrossantas mãos estendidas sobre sua igreja nesta nação.

A Ele tributamos toda à nossa gratidão.

Palavras do nosso Pastor Presidente José Wanderlei dos Santos

jesus

 

Em um mundo em transformações que frequentemente modifica suas premissas e valores, os princípios absolutos do Evangelho do Senhor Jesus Cristo permanecem inabaláveis, evidenciando o propósito divino para a humanidade. Temos a Bíblia como a revelação de Deus, dada a santos homens por inspiração do Espírito Santo e a reconhecemos como autoridade única e infalível quanto a fé e conduta. Dessa divisa deriva nossa Declaração de Fé que consta de 14 pontos doutrinais, publicados e praticados pela Christian Agape Centre. Com base nisto cremos:

1) Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).

2) Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão (2 Tm 3.14-17).

3) Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is 7.14; Rm 8.34 e At 1.9).

4) Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurá-lo a Deus (Rm 3.23 e At 3.19).

5) Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo 3.3-8).

6) No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor (At 10.43; Rm 10.13; 3.24-26 e Hb 7.25; 5.9).

7) No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt 28.19; Rm 6.1-6 e Cl 2.12).

8) Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9.14 e 1Pd 1.15).

9) No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a sua vontade (At 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7).

10) Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade (1 Co 12.1-12).

11) Na Segunda Vinda pré-milenial de Cristo, em duas fases distintas. Primeira – invisível ao mundo, para arrebatar a sua Igreja fiel da terra, antes da Grande Tribulação; segunda – visível e corporal, com sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos (1Ts 4.16. 17; 1Co 15.51-54; Ap 20.4; Zc 14.5 e Jd 14).

12) Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra (2Co 5.10).

13) No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Ap 20.11-15).

14) E na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis (Mt 25.46).